O último post do HUFSC

Pois é, gente... Acabou.

Quando se entra na faculdade já se sabe (e sonha) com a saída, não é? Se bem que tem gente que acho que esqueceu disso... Bom, se o Cintra se formou, qualquer um se forma agora.

Enfim, pra mim, o tão sonhado dia chegou!!! Hoje pego o canudo da reitora (ui!) e me torno mais um graduado dessa fábrica de maluco. Mas agora, que tudo está acabando, não tem como não se pegar lembrando dos bons momentos que tive (pelo menos os que consigo lembrar por não ter bebido tanto).

****** TRILHA NOSTÁLGICA ******

O blog surgiu numa manhã de sábado de tédio quando eu tava sem a mínima vontade de trabalhar, morrendo de ressaca, tentando juntar as peças de memória do happy hour que tinha acontecido na noite anterior. Eu tinha conseguido lembrar de tanta coisa que pensei "poxa, vou logo criar um blog pra ir colocando aqui tudo o que for lembrando da graduação". O blog se chamava "Why So Serious?", mas mudou de nome umas três semanas depois. O primeiro post era sobre uma festa, mas decidi mudar pra algo mais introdutório, pra quer eu não me esquecesse das primeiras impressões que tinha. Lendo hoje, não mudou muita coisa.

Depois de um tempo um calouro me viu escrevendo no blog no computador do CAAD. Pediu o link, leu, e espalhou entre os calouros. Contei do blog pra algumas pessoas do CA e do Anexo e, em pouco tempo, o HUFSC já era lido por várias pessoas da UFSC.

Lá comecei a contar as principais coisas que um calouro deveria saber na época: as festas. Falei sobre as noites na praça do Pida, o Happy Hour do C6, o Churrasco de matrícula, a Calourada do DCE, o Trote, a Cervejada etc. Muitas dessas coisas nem existem hoje, como o Comper, a taxa de FI e o respeito.

Mas muita coisa que o blog fez era ~conteúdo próprio~. Tivemos campanhas, concursos, investigações e outras coisas que surgiam quando se ficava coçando o saco.



Tivemos até um jogo! E, é claro, não podemos deixar de citar a maior revolução política da UFSC:



Sem contar as diversas histórias e alguns considerados clássicos: o RU, o C6 a Bordo, o furo de reportagem do RU. Ainda tive tempo de ter um colaborador, fruto de nepotismo. E houve o post mais triste de todos. Aliás, foi depois dele que o HUFSC começou a se despedir aos poucos. 

A vida é assim... Uma hora o oba oba acaba e a gente precisa ficar mais sério. Não tão sério (Why So Serious?), mas aquela vida maravilhosa onde os compromissos podem esperar é curta e vai embora quando a gente menos espera. Daqui algumas horas eu vou encarar a dona Lúcia e não vou mais poder ser chamado de estudante (pelo menos por enquanto).

O fato é que não consigo mais enrolar e esconder: eu não queria, mas chegou a hora de dar adeus ao HUFSC. Dessa vez, pra sempre.

Foram 4 anos, 274 posts, 9 cervejadas, 28 happy hours, 3 campings, 3 gincanas, 5 campanhas eleitorais, 967 fofocas, 2 ameaças de surra por partidos de extrema-esquerda, 2 assaltos, 3 ameaças de processo, 64 dias morando no CAAD, 165.983 faxinas das estudantes de Serviço Social, 487 bebedeiras no Anexo, 3 subidas ao telhado do Anexo, 7 PTs, 15 cartas do Claico, 687 discussões na lista do CEB e os melhores dias da minha vida.

Esse blog não nasceu pra fazer nada a não ser contar histórias pra mim mesmo, e com o tempo fez as pessoas rirem. Mas agora ele me faz chorar - que merda. Essa porra vai ficar guardada pra sempre na internet e eu sei que daqui a alguns anos eu vou querer ler tudo e lembrar o quanto meu fígado foi bom um dia.

Quero agradecer todo mundo que já apareceu no blog e virou, de alguma forma, personagem. Queria agradecer também os que leram, criticaram, elogiaram, deram dicas ou só abriam a página pra dar audiência mas não perdiam tempo lendo. Ao pessoal de todos os campi e de outras universidades. Ao Prata e à Roselane por não terem me processado quando fiz montagens com eles. Ao Boitatá, ao Claico e ao Jaime do NPD. Ao Cacau Menezes que já leu e elogiou o ConLUTA Social. Mas o mais importante: quero agradecer as pessoas do Anexo, todas elas. As que mais enchi o saco e as que mais convivi (as duas coisas podem estar juntas). Vocês proporcionaram um tipo de vida e grupo que nunca imaginei que pudesse existir e que sentirei orgulho pra sempre de ter feito parte disso.

Talvez eu me forme e vá gravar alguns vídeos pra internet, ou não tenha talento pra isso. O importante é que consegui chegar ao objetivo que todo estudante tem quando chega na UFSC: fazer amigos. Ah, me formar também.

O blog fica por aqui, mas Histórias de uma Universidade Séria e Cômica [?] não. Todo dia algo novo e bizarro acontece e assim vai ser pra sempre. Então aproveite e viva essas histórias. Não passe batido, seja um personagem. Só não precisa fazer tanto fiasco, ok? 

Ok, precisa sim.

Tchau!

HABEMUS GREVE (3)

FÉRIAS!!!

Finalmente acabou o maldito semestre! Agora é aproveitar as férias e se preparar pra voltar em... em... Bom, disso ninguém sabe. Os professores também entraram em greve no dia 11 e agora todo mundo tá só pensando em uma coisa:




Depois daquela história toda de congelamento de semestre, da manifestação anti-congelamento, da manifestação contra a manifestação anti-congelamento, da manifestação contra os manifestantes da manifestação contra a manifestação anti-congelamento e da falta de hambúrger empanado no Assim & Assado, as aulas continuaram normalmente. Claro, "normalmente", já que a sombra da greve ainda pairava por todos os lugares.

Muita gente tá arrumando desculpinhas no fim de semestre por causa da greve, como o que aconteceu lá na História:

- Ai, professor, eu juro que queria muito aprofundar minha fundamentação teórica, mas a BU tá fechada...
- Ah, é mesmo?
- Sim!
- Seria bom, talvez ajudasse o site de onde você copiou esse texto a se aprofundar também.
 
VISH! Por favor né gente, vamos ser profissionais! Existem várias táticas de como "fazer" aquele trabalho acadêmico expertíssimo sem se comprometer ou precisar pensar muito, mas isso é assunto pro próximo Dicas HUFSC. No próximo semestre, antes de bater o desespero, usem as Dicas HUFSC: Provas I e Provas II. Pra que sofrer, né?

Bom, voltando ao assunto greve... A decisão do CU(n) sobre o não-congelamento-do-semestre deixou a galero do DCE e arredores esquerditas puta da cara. Tinham perdido tanto tempo nas manifestações, nas assembleias e na festa junina do DCE enchendo a cara que esqueceram de estudar. Aí tavam lá, pedindo PLMDDS pro professor dar uma aliviadinha.


~ TÃTÃ TÃTÃTÃTÃTÃÃÃÃ TÃTÃ TÃ TÃ TÃTÃTÃ TÃTÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃ~~~~




Aí sim nós fomos surpreendidos novamente. Trancaram tudo, gente. Não entrava carro, ônibus e nem tobata. Lógico, isso deixou alguns alunos revoltadérrimos e lá foram eles tirar ~satisfação~.

AKOMPANIE AZIMAJI ABASHO:



~fascismo oi?//?~


O que é mais idiota? Trancar a UFSC ou ir protestar contra isso se achando "O Revolucionário"? Não sei. Só sei que isso tudo aí teve um resultado: nada.



MAS GENTE CALMAE QUE NEM TUDO TÁ PERDIDO NESSA PORRA



Nem tudo tá perdido... :)
Vamos acompanhar.

Agora vocês tiram férias daí que eu tiro férias daqui. Até semestre que vem (que ninguém sabe quando é). Bj

O você sabe quanto seu professor ganha?

Professores em greve. Dentre as exigências, um salário maior.
Hum, ok. Direito deles.

Mas nós sabemos que sempre tem aqueles professores que não valem a água da louça e que deveriam pagar pra você assistir a aula de tão ruim que são, não é verdade?

Será que eles estão ganhando o que merecem? Será que eles merecem o que estão ganhando? Será? Será que tu merece???

Pois agora você pode saber quanto seu querido professor ganha!





"e eu asho muinto poco, pfvr nem da pa compar meos vitoria secerto's e shanel"


Mas preparem-se: vocês podem se surpreender negativamente com os salários gordos de alguns professores de merlin, que só dão seminário, que tem preguiça e vivem coçando.

Dá uma espiadinha e comece a encarar seus "mestres" de outro jeito. Só não vão fazer igual um rapaz da minha sala que, momentos antes da prova, chega pro professor e diz "Eu sei quanto tu ganha...". Nem preciso dizer quem se fodeu na prova, né?



Colaboração de Rodrigo Puerari 
(Eng. Sanitária e Ambiental)

Olá, Marilene!

E não é que um ingênuo vídeo da TV UFSC com um recadinho singelo do dia dos namorados virou um meme nacional?

O vídeo postado aqui há alguns dias atrás também apareceu um vários blogs de humor famosos do país e teve até comentário no Pretinho Básico:

Não Intendo
Não Salvo
Charges.com.br
Bobagento
Testosterona
Trollando
Cala Boca Piangers!
Eu nego!
Ah negão!
O Macho Alpha

Famoso demais, hein Seu Sálvio! Quem diria que uma declaração de amor renderia tanto...

Mas vocês sabem como a nossa mais nova celebridade da UFSC está lidando com isso?



Nem perde tempo vendo o resto! Pula direto pro que interessa - 7m e 14s :D


Tadinha da Marilene... Tava com ~probleminhas pessoais~. Mas ainda bem que no dia seguinte tudo aconteceu.

Mas galero, PFVR, vamo pará de adicionar ele no Facebook! Ele já falou que tá cancelando tudo!
Deixa ele ficar de boa curtindo a sua amada Marilene, uma tainha, vinho...

"O erotismo existe no relacionamento humano, né? E tem que aproveitar as oportunidades pra dar um recado mais contindente" 



(SÁLVIO, 2012)


HABEMUS GREVE! (2)

Pausa para o momento "leitura de LUTA" da semana:


Ounnnnnn...roooooooooinc
E não é que a galero da UFSC se juntou mesmo??? Acompanhe.


Quando a gente achava que tudo que poderia acontecer na UFSC em relação à greve já tinha acontecido, somos surpreendidos novamente. O que aconteceu? Você não sabe??? Tá, vou resumir.

O DCE convocou, em pleno fim do fim do semestre, uma Assembleia Estudantil para discutir sobre o congelamento do próprio (não do DCE - o que não seria uma má ideia - mas do semestre mesmo). A alegação: os estudantes estavam sem RU, sem BU e A Assembleia aconteceu sem muita divulgação e o número de presentes era uma incógnita até hoje (oscila entre 80 e 300, onde acredito mais na estimativa mais baixa, lógico). Assembleia no fim de semestre, numa terça-feira, às 10 da manhã = DESOCUPADOS. Quem que tá de bobeira em tempos de crise como essa, gente?

E foram estes que decidiram, por ~unanimidade~ pelo congelamento do semestre (e por que será que eu não me espanto?). Ou seja, levariam essa linda sugestão ao CU(n). Isso mesmo! Há menos de duas semanas antes do fim do semestre, onde todos já haviam estudado tudo o que deveriam pras provas finais e feito quase todos os trabalhos.

Acontece que vários - vários MESMO - estudantes se revoltaram e criaram o evento Movimento anti-congelamento do semestre, manifestando a sua indignação com a decisão não-representativa do DCE e sua Assembleia de gatos-pingados.

O pessoal de LUTA da Assembleia se defendeu, dizendo que o congelamento foi uma decisão tomada lá e que todo mundo deveria ter comparecido pra decidir. Bom, a respostas dos quase 900 alunos do grupo (e no abaixo-assinado) para eles foi assim:




Sexta-feira. Reunião do CU(n). Todos esperando ansiosamente pela decisão que mudaria os rumos da história. A parte que interessava mesmo foi deixada por último, pra aumentar ainda mais as expectativas. Sra. Roselane mandando ver pra segurar a audiência. 

Meio-dia. começaram a discussão. Muitos comunas "conselheiros" defendendo o congelamento (das suas notas), alguns professores sendo contra... Torta de climão pra todo lado e a maioria puta da cara porque tava morrendo de fome às 13 horas.




Resultado: 12 votos a favor e 20 votos contra o congelamento. Chuuupa DCE!!! Assim, pela primeira vez na história da UFSC os estudantes comemoram o fato de ter mais aulas, mais provas e mais trabalhos. Também ficou a lição de que um DCE que defende interesses próprios e não dos seus estudantes tende sempre à mesma coisa: CARA NA POEIRA! 

Mas a vida continuou, já que o semestre não teve seu fim. E o mesmo DCE que defendia o congelamento do semestre por ~falta de recurso por parte dos estudantes que não tinham dinheiro pra estudar, pra comer e ir pra UFSC blá blá blá whiskas sachê~ fez uma festa junina na mesma noite, arrancando dinheiro dos estudantes pobre coitados... :'(

O resultado?


UFSC, sábado, 10:30 da manhã. Lindérrima como sempre. 
Só que não.


Aí chego à uma conclusão: sai chapa, entra chapa, e nunca vou entender pra que o DCE da UFSC realmente funciona. Sério.

Love is in the Air!

Como foi seu Dia dos Namorados? Bom? Sozinho?
Foda-se.

Independente disso, a TV UFSC nos mostrou que ninguém teve um Dia dos Namorados mais especial que a Marilene:



Você pode ver o vídeo completo clicando aqui. =)
(matéria chata pra caralho)


É ou não é muito amor, gente? *-*